Preparação de superfície

Home/Aplicação/Preparação de superfície

Preparação de superfície é a chave para uma boa performance de qualquer revestimento. Qualquer forma de contaminação na superfície criará areas onde ZINGA não estará em contato direto com o aço, quebrando sua conexão eletroquímica, o fluxo de elétrons e consequentemente, a proteção catódica.

Portanto, a superfície deve ser limpa para estar livre de:

  • Sujeira
  • Óleos e graxa
  • Sais
  • Carepas

Há três formas de remover as contaminações da superfície:

  • Limpeza por solvente
  • Limpeza por detergente
  • Limpeza por vapor

Limpeza por solvente só é recomendada para aplicações pequenas e não críticas. Zingasolv pode ser usado.

Limpeza por detergente é preferível em relação a limpeza por solvent; mas a limpeza a vapor em 80°C é o ideal para se criar uma superfície limpa para aplicação de ZINGA.

Limpeza correta de aço para aplicação de ZINGA

 

O Segundo passo mais importante na preparação de superfície é a criação de um perfil de rugosidade. Isso garante adesão do revestimento ao substrato. ZINGA só aderirá adequadamente em uma superfície rugosa!

Um perfil de rugosidade consiste de profundidade da rugosidade e morfologia de rugosidade. Para boa adesão de ZINGA, Zingametall recomenda um perfil de rugosidade entre Rz 50 e 70 µm ou equivalente mínimo de Ra 12.5.

Para criar essa rugosidade, o substrato deve ser jateado a seco ou a úmido, ao grau de limpeza SA 2.5  – ou usando um escova de aço para aplicações pequenas e não-críticas. Se a superfície já tem rugosidade adequada (por conta da atmosfera ou jateamentos anteriores), a superfície deve também estar limpa em SA 2.5 utilizando lavagem UHP.

Sempre tenha em mente: a performance de ZINGA, como a de todos os revestimentos depende fortemente da qualidade da preparação da superfície!

Grau de limpeza de acordo com ISO 8501-1

Aplicação
Métodos de aplicação